2013

Cartaz - Mostra Cultura de Cinema BrasileiroFortaleza recebeu do dia 22 de junho de 2013 a 1ª Mostra Cultura de Cinema Brasileiro, realizado pela Livraria Cultura em celebração ao Dia do Cinema Brasileiro. A programação começou às 15h, com a exibição do panorama Curta Brasil, e seguiu às 17h20 com o panorama Curta Ceará, com obras de realizadores cearenses, que debateram sobre seus filmes após a sessão.

15h: Curta Brasil (censura 18 anos)

A Noite dos Palhaços Mudos (SP, 2012, ficção, 15’), de Juliano Luccas
Sinopse: Adaptação para as telas de uma história de um dos maiores artistas de quadrinhos do Brasil: Laerte. Dois palhaços mudos perambulam à noite com a missão de resgatar um companheiro que fora sequestrado por uma organização que tem como objetivo o extermínio da classe. “A Noite dos Palhaços Mudos” é uma fábula contemporânea recheada de humor contra a intolerância.
Destaques: Melhor Filme do Festival Internacional Videobabel 2012 (Peru); Melhor Produção do 1º Festival Internacional Unasur Cine/ San Juan (Argentina); Melhor Filme da 12ª Goiânia Mostras Curtas; Melhor Filme do 18º Festival de Vídeo de Teresina; Melhor Direção do 8º Curta Canoa; Melhor Roteiro e Direção de Arte do 7º Comunicurtas – Festival Audiovisual de Campina Grande.

Trocam-se Bolinhos por Histórias de Vida (RS, 2011, ficção, 15’), de Denise Marchi
Sinopse: Faltando uma semana para o seu casamento e com todos os preparativos na reta final, Clara descobre que seu noivo não se sente preparado para casar. Em meio a muitos compromissos a serem desmarcados e objetos a serem devolvidos, Clara não sabe como agir nem reagir à situação. A única certeza que ela tem é de que precisa decidir em que rumo seguirá com a sua vida.
Destaques: Melhor Atriz, Melhor Atriz Coadjuvante, Melhor Ator Coadjuvante, Melhor Direção de Arte e Melhor Direção de Produção no 10º Prêmio Histórias Curtas da RBS TV; Melhor Atriz no Festival Art Déco 2011; Melhor Ficção em Vídeo no Curta-SE 2011; Melhor Roteiro no 7º Curta Canoa.

Piove, il Film di Pio (SP, 2012, documentário, 15’), de Thiago Mendonça
Sinopse: “Piove” não é um retrato de Pio Zamuner, cineasta esquecido que dirigiu os doze últimos filmes do comediante Amácio Mazzaropi. É o estabelecimento de uma relação entre dois diretores e a explicitação de suas regras. O retrato de uma paixão compartilhada por duas gerações em um botequim da Boca. Mas quem dirige quem?
Destaques: Exibido no 40º Festival de Gramado; Melhor Documentário no 19º Vitória Cine Vídeo; Menção Honrosa no 8º Curta Canoa.

O Fim do Filme (SP, 2012, ficção, 15’), de André Dib
Sinopse: Em uma videolocadora, um funcionário tem o hábito de revelar o final dos filmes aos clientes. Após conhecer uma jovem que aluga sempre o mesmo título, os dois passam a debater nas madrugadas o verdadeiro significado de seu final, iniciando um romance suscitado por sua paixão pelo cinema.
Destaques: Melhor Fotografia no Prêmio da Associação Brasileira de Cinematografia (ABC); Melhor Diretor, Melhor Ator, Melhor Atriz, Júri Popular e Aquisição Canal Brasil no Cine PE – Festival do Audiovisual 2013.

A Mão que Afaga (SP, 2011, ficção, 19’), de Gabriela Amaral Almeida
Sinopse: No aniversário de nove anos de seu único filho, Lucas, a operadora de telemarketing Estela planeja uma festa que tem poucas chances de dar certo.
Destaques: Melhor Curta de Ficção, Melhor Roteiro, Melhor Atriz, Melhor Montagem, Aquisição Canal Brasil, Prêmio da Crítica e Prêmio Vagalume no 45º Festival de Brasília; Prêmio Especial do Júri no 40º Festival de Gramado; Melhor Roteiro e Melhor Atriz no 9º Amazonas Film Festival.

Memórias Externas de uma Mulher Serrilhada (SP, 2012, ficção, 15’), de Eduardo Kishimoto (foto)
Sinopse: Fragmentos digitais da intimidade de Josi.
Destaques: Melhor Curta no Goiânia Mostra Curtas em 2012; Melhor Direção e Melhor Atriz do 8º Curta Canoa.

Na Sua Companhia (SP, 2011, ficção, 21’), de Marcelo Caetano
Sinopse: A noite e a solidão estão cheias do diabo. Aí vem você e a agridoce vida.
Destaques: Já recebeu mais de 10 prêmios do ano passado para cá, entre eles Melhor Curta na Janela de Cinema do Recife, Melhor Diretor no Curta Cinema (Fest. de Curtas do Rio de Janeiro) e Melhor Curta pela crítica e Prêmio Especial do Júri no Olhar de Cinema de Curitiba 2012. Também fez carreira internacional, sendo exibido no cobiçado Festival de Clermont-Ferrand, no Festival de Rotterdam e no Bangalore Queer Film Festival, recebendo uma menção especial do júri.

17h: Intervalo

17h20: Curta Ceará (censura 14 anos)

Alguém no Futuro (CE, 2013, ficção, 15’), de Salomão Santana (foto)
Sinopse: Nos sonhos, não há passado nem futuro, não há mortos nem desaparecidos, o tempo é uma coisa fluída e absoluta como o ar.
Destaques: Exibido na Mostra de Cinema de Tiradentes 2013.

Celeiro de Seleiros (CE, 2012, animação, 4’), de Renato Feitosa
Sinopse: Animação sobre a vida do artesão Espedito Seleiro, da cidade de Nova Olinda (CE).
Destaques: Melhor Trilha Sonora do 11º Noia – Festival de Cinema Universitário.

Mauro em Caiena (CE, 2012, documentário, 18’), de Leonardo Mouramateus
Sinopse: Admiro pra caramba essa capacidade, Mauro. De se transformar em outra coisa. Como um dinossauro ou uma lembrança.
Destaques: Melhor Curta do 35º Festival Cinéma du Réel (França); Menção Honrosa no19º Vitória Cine Vídeo; Melhor Curta e Melhor Direção no 11º Noia – Festival de Cinema Universitário.

Não Vá Se Perder (CE, 2012, ficção, 20’), de Vanessa Pinheiro
Sinopse: Todos podem fazer da sua vida um filme. É com essa deixa que vemos retratado o cotidiano de Vanessa e de seus relacionamentos fracassados.
Destaques: Melhor Curta pelo Júri Popular e Melhor Roteiro do 11º Noia – Festival de Cinema Universitário.

JUS (CE, 2012, documentário, 18’), de Marcelo Dídimo
Sinopse: JUS é um filme sobre um dos animais mais simbólicos do Nordeste brasileiro, o jumento. Comumente chamado de “ju”, JUS aborda a importância histórica que o jumento tem na construção da cultura cearense, nordestina e brasileira.
Destaques: Troféu Cinememória no 1º Curta Brasília; Menção Honrosa no 3º FestCine Maracanaú.

O Silêncio do Mundo (CE, 2011, ficção, 10’), de Bárbara Cariry
Sinopse: A sinfonia do mundo percebida no “outro”, revelando novas formas de percepção e de comunicação entre os homens.
Destaques: Exibido no Festival Brasileiro de Cinema Universitário e no Festival Visões Periféricas 2011.

Brancos Elefantes (CE, 2012, ficção, 7’), de Sara Benvenuto
Sinopse: Baseado em uma história de Ernest Hemingway.
Destaques: Exibido na III Mostra de Cinema de Iguatu.

19h: Bate papo com os realizadores dos filmes cearenses.

Anúncios